sexta-feira, 1 de março de 2013

São as águas de março...


Não fiz muito este mês:
  1. Passei uns dias em Uberaba-MG, e vi a florzinha Rebeca nascer. Ela é filha da minha mais que amada amiga Raquel. Sem palavras para dizer o quanto voltei apaixonada pela criança!
  2. Mudei de volta para meu bairro querido: Vila Isabel. Estou morando com a Sâmara e a Marcela, duas queridas;
  3. Fui à praia com a Karla, o Igor, o Betinho e o Eduardo;
  4. Fui ao Luau do Samba e ao show do querido Anderson, no Bar Semente;
  5. Recebi Alexia e Raissa como hóspedes lá em casa, para o Carnaval;
E só.


O mês de fevereiro acabou, e com ele o verão se afasta lentamente. Não sei onde estive até agora, e só acordei pra ver as águas de março. Ando raciocinando menos e vivendo mais. Ando meio letárgica às sensações da alma. Deve ser isso.

Nenhum comentário:

As multidões

Nem todos podem tomar um banho na multidão: ter o prazer da turba é uma arte. Só assim se pode oferecer, à custa do gênero humano, um b...