Organizando a geladeira

Este fim de semana ajudei um amigo a organizar a geladeira. Ele recusou a ajuda até não poder mais, mas minha ética amigo-pessoal-profissional exigia uma atitude: a coisa estava caótica. Me lembrei das dicas que encontrei nesta figura que ficava fixada do lado da minha geladeira na antiga casa, e pus mãos à obra:


Clica em cima que aumenta.

Uma coisa que aprendi quando voltei a morar sozinha foi comprar apenas o que vou consumir rápido, pois além da capacidade de armazenamento aqui em casa ser pequena (moro em uma kit, na minha atual casa não tenho geladeira, tenho somente um frigobar) eu como a semana inteira "na rua". As únicas refeições que faço em casa são o café da manhã e o lanche a noite. 

Para me organizar eu mantenho na geladeira apenas artigos para lanches rápidos, para no máximo 2 ou 3 dias. Compro apenas o que vou consumir imediatamente: sucos, iogurtes, refrigerantes (garrafas de no máximo 600 ml), leite, queijos, ovos, requeijão, manteiga e margarina, frios e embutidos em pouquíssima quantidade, algumas frutas (uva, abacaxi, etc), e só. O bom é que quando resolvo cozinhar comidinhas de verdade sempre tem espaço para guardar as sobras! Dica para você que se parece comigo: quando for cozinhar compre somente os ingredientes da receita, um dia antes de cozinhar, e faça a quantidade aproximada do necessário para o número de pessoas que forem comer. Organização é tudo de bom.

Aqui tem dicas de como limpar a geladeira: OZ!

E essa imagem de como organizar eu tirei daqui: Koisas de Karina.


Dica incrível que meu amigo me deu sobre como manter o sorvete no congelador: o seu sorvete fica "empedrado" ao ser guardado no congelador? O dele não! O sorvete do fofinho continua macio que é uma beleza! O segredo é utilizar aqueles filmes de pvc ao redor da tampa, envolvendo a tampa e o corpo do pote. Esse tipo de filme aqui, disponível em qualquer supermercado.

Agora acabou! =D

Gostou? Comente. Compartilhe! ;)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Iluminação sem gesso

Cortinas para a casa nova dos meus amigos Lai e Lu

Discurso que proferi na minha colação de grau do curso de Arquivologia, da UnB, dia 03 de fevereiro de 2009, em Brasília.