sexta-feira, 21 de maio de 2010

Minhas músicas :D

Achei este questionário no fofo blog da portuguesa Hazel, o Casa Claridade, e achei que seria a minha cara respondê-lo. Será que eu consigo? Está com um português um pouco diferente porque (imagino) foi elaborada por algum irmão das terrinhas d'além-mar. Resolvi não "abrasileirar" porque o português de Portugal é um charme, né? :D
Quero, antes, destacar que tal exercício para mim é deveras difícil, uma vez que esta minha mania de ver o "todo" vai me fazer colocar aqui álbuns inteiros, ok? Não estranhem também de ver muita música "antiga", e muita, mas muita música brasileira. Ok? Clique no nome da canção para ler a letra.
Vamos lá!
  1. A tua canção favorita: impossível responder. Próximo item!
  2. A tua canção menos favorita: os funks nacionais que reduzem a mulher a um produto, a um parque sexual de diversões.
  3. Uma canção que te põe feliz: A praieira, do Chico Science e Nação Zumbi.
  4. Uma canção que te põe triste: A resposta do item 3 também vale para esta pergunta.
  5. Uma canção que te lembra alguém: da memória recente? Nega do cabelo duro, versão Planet Hemp, me lembra outro portuga: o Hugo Folgado. Num corpo só também me lembra ele.
  6. Uma canção que te lembra de um lugar: tantas me lembram tantos lugares... mas chegar ao Geni e ouvir Deixa, da Cláudia, foi perfeito... foi prenúncio de uma noite MARA! Então "Deixa" ficou como a música que me lembra o Geni.
  7. Uma canção que te lembra de um determinado aocntecimento: Tudo novo de novo, do Paulinho Moska, lembra a conquista do meu diploma de graduação.
  8. Uma canção que te faz dançar: Já pedi pra você parar, da Paula Lima, versão "ao vivo".
  9. Uma canção que te faz adormecer: Nenhuma. Não consigo dormir com música rolando. Mas uma que me relaxa pra dormir é Baby, i'm a fool, da Melody Gardot. Aqui neste post eu já havia colocado o vídeo desta música.
  10. Uma canção da tua banda favorita: Love foolosophy, do Jamiroquai. Aliás, o álbum "High Times" inteiro desta banda!
  11. Uma canção que ninguém esperaria que gostasses: hahaha Esta eu descobri ontem. Minha hermana Alexia tava la em casa ontem quando eu coloquei um pagodinho para tocar. É você, do Exaltasamba.
  12. Uma canção que te descreve: Que eu consigo lembrar são duas: Hand in my pocket, da Alinis Morissete, e Traduzir-se, do Fagner e Ferreira Gullar. Além de muitas ouras.
  13. Uma canção do teu álbum favorito: Nothing Even Matters, da Lauryn Hill em seu disco The miseducation of Lauryn Hill.
  14. Uma canção que ouves quando está zangada: Quando eu estou zangada eu escuto tudo que eu tiver da Janis Joplin... mas é só escutar aquela risadinha dela que eu esqueço a raiva. Masss... escolho Just a little bit harder.
  15. Uma canção que ouves quando está feliz: Canned Heat, do Jamiroquai. A letra não é muito "religiosamente" correta para as minhas crenças, mas eu gosto dela mesmo assim.
  16. Uma canção que ouves quando estás triste: Quando eu estou triste escuto coisas que entrem em sintonia. Sensível demais, com a Nalanda, é uma delas. Apesar de achar esta música muito linda. Eu choro com um pouco mais de estilo quando escuto Precious, da Esperanza Spalding.
  17. Uma canção que queres que toque no teu casamento: Já casei, e me realizei quando meu marido e meu amigo Cadu tocaram "Rosa" do Pixinguinha para a minha antrada na cerimônia, ao lado do meu pai. Foi uma das coisas mais lindas e emocionantes que ouvi na vida. Se eu casasse de novo seria temático: só iria rolar Stevie Wonder! As, My cherie amour, Sunshine of my life, Isn't she lovely, Signed, sealed, delivered... todas!
  18. Uma canção que queres que toque no teu funeral: Nenhuma. Morte é silêncio.
  19. Uma canção que te faz rir: Não enche, Caetano Veloso
  20. A tua canção favorita deste último ano: Eu a descobri ano passado, mas está entre as favoritas: Vou deixar, Paula Lima.
E as suas, quais são?
Beijos

Um comentário:

Alexia Sant'Anna disse...

Ah!!!!!!!! Eu adoro responder questionários... e é óbvio... responderei este também!!!
Bjim Hermana *:o)

As multidões

Nem todos podem tomar um banho na multidão: ter o prazer da turba é uma arte. Só assim se pode oferecer, à custa do gênero humano, um b...