sábado, 28 de novembro de 2009

Casas Coloridas

Geeeente, sem noção do tanto que tô animada com cores!

Ontem fui à casa da Mariana, do "foi lindo enquanto durou", buscar uns produtinhos maravihosos que comprei com ela, e fiquei sem graça do tanto que reparei na sala dela. Meu Deus, que vexa entrar na casa alheia e ficar reparando... Mas só posso dizer que fiquei arrepiada! Nunca vi uma coisa tão expressiva, pessoal, feminina, colorida e linda na minha vida. Olha só o que eu comprei do "foi lindo":


Viu como sou pop? hehe

Este quadro tem cores incrivelmente mais bonitas do que esta foto escura.



Toulouse virou xodó: maridão amou! E Jullie chiou de inveja. kkkk Quando eu enjoar te vendo, boba! kkkk

Sabe casa que você vê em revista, e diz, (palavras da amiga Jullie, que foi comigo): "Até parece que existe mesmo!" Pois eu vim aqui dizer que existe, e fica bem no centro de todo aquele concreto do plano piloto! Sabe... tenho que confessar. Eu e a Jullie (amiga que foi comigo) ficamos com a maior vontade de correr para a primeira loja de tintas e comprar uma cor para cada parede, mandar o sofá pra reforma e colocar uma estampa bem lindona... colorir tudo!

Na hora me lembrei das fotos da casa da Frida Kahlo que vi aqui. Por isso, Mariana, o post de hoje é em homenagem a você e à sua mãe.




Tem que ter corageeeeeeemmm!








Essa é pra quem não abre mão das paredes brancas, nem das cores.


"Uma dinâmica botânica de cores, para tu dispores pela casa!" Zélia Duncan





Casa da Frida Kahlo






Olha essa favela que tudoooooooooooo!!!

Vamos colorir a vida?

Então desliga este computador, bota um vestido bem estampado e vai curtir o sabadão!

Dias coloridos pra vc! Beijos!

Imagens: Casa, Coisas e Tal; Casadelorona.com; Designnobrasil.bogspot.com; Doggaopp.blogspot.com; Jubella.com; Oficinadepintura.com.br.

Nenhum comentário:

As multidões

Nem todos podem tomar um banho na multidão: ter o prazer da turba é uma arte. Só assim se pode oferecer, à custa do gênero humano, um b...