terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Vontade de Prainha

"Vontade de ir para aí, prainha
Vontade de ficar na minha
Onde o sol à tardinha se esconde
Onde a noite escura nem é
Onde o mar vem lavar o meu pé
Onde só não me sinto sozinha"

Prainha

2 comentários:

Rodrigo Fortes disse...

Ai que inveja... por aqui só chove!
bjs

splendid disse...

You these things, I have read twice, for me, this is a relatively rare phenomenon!
handmade jewelry

As multidões

Nem todos podem tomar um banho na multidão: ter o prazer da turba é uma arte. Só assim se pode oferecer, à custa do gênero humano, um b...